O que o marketing precisa saber sobre planejamento estratégico

O planejamento de marketing é um elemento primordial para direcionar o rumo da empresa no mercado e aumentar as chances de sucesso das estratégias empresariais definidas. O gestor precisará ter conhecimento sobre o tema para planejar o posicionamento da empresa no mercado, a diferenciação da oferta e a segmentação do público-alvo.

Um ponto que, às vezes, passa a ser ignorado pelos gestores de marketing é a necessidade de implementar métricas, realizar análises estatísticas e entender sobre finanças. Sem essas competências, a possibilidade do plano de marketing falhar é grande.

Conhecimento financeiro a favor do planejamento estratégico da empresa

Para aprimorar a gestão é preciso fazer uma avaliação e acompanhamento dos recursos financeiros e entender o funcionamento do negócio. O marketing só vai conseguir definir uma meta de preço assertiva se souber, por exemplo, quais os custos e despesas da empresa, o custo unitário de cada produto/serviço, além de identificar os custos variáveis e fixos.

O conhecimento sobre os recursos financeiros é essencial para que as metas de vendas não sejam baseadas em “achismos” – o que coloca em risco a eficiência da gestão de empresa.  

Ainda hoje encontramos profissionais no mercado que estipulam suas metas de vendas de acordo com resultados passados, sem considerar o que deve ser feito para alcançá-las ou mesmo fazer o cálculo adequado para saber se a meta é o suficiente para pagar as despesas. Por exemplo, é essencial que os gestores conheçam custos unitários de seus produtos ou serviços, além dos custos fixos, para que possam calcular adequadamente a quantidade de produtos ou serviços a serem vendidos para alcançar o Ponto de Equilíbrio.

Finanças estratégicas

 

Ao buscar um curso de Empreendedorismo e Gestão para se atualizar, o gestor tem a oportunidade de expandir seu conhecimento sobre diversas áreas que envolvem a gerência de uma empresa, entre elas a financeira.

Além disso, um grande diferencial a ser analisado na hora de escolher o curso é avaliar se ele contempla conhecimento sobre visão de resultados e finanças.

Entender quais as implicações financeiras das decisões que são tomadas na sua área de atuação. Por exemplo, como a política comercial de preços ou prazo de pagamento afetam o caixa da empresa e a rentabilidade do negócio e é fundamental para fazer uma análise de viabilidade econômico-financeira de projetos de investimentos e apoiar na construção de decisões mais bem fundamentadas.

Um bom curso de gestão aborda temas como matemática financeira, mercado financeiro de capitais, avaliação de viabilidade econômica e financeira de investimentos, além de finanças corporativas, gestão estratégica de custos e formação de preços e controladoria.

Agregue valor no planejamento estratégico da empresa e aprimore seu conhecimento ao fazer o curso certo.