Aprimore a análise setorial com o uso correto dos índices financeiros

Para uma análise de resultados completa,  é necessário conhecer profundamente o setor de atuação da companhia, pois existem indicadores de desempenho particulares que variam de setor em setor, que são essenciais para avaliar o que é realmente importante para o segmento.

Na área de construção civil, por exemplo, o land banking é um dos índices financeiros mais utilizados e essenciais para potencializar as oportunidades de negócios das empresas do setor. Ao pé da letra, ele se refere à quantidade e terrenos que a empresa tem estocado. Quando se compreende o negócio da construtora ou empreiteira fica óbvio entender que a construção civil vive de projetos e, portanto, é extremamente estratégico conhecer a totalidade de terrenos disponíveis para a construção de um possível novo empreendimento.

Outro indicador de desempenho importante no setor de construção é o POC (Percentage of Compliance), que mede o avanço da execução de uma obra. Tendo em mãos estes dados, o analista financeiro, consegue relacionar com os índices financeiros da empresa e assim sair do óbvio, aprofundar sua análise, propor ações mais estratégicas, agregando valor à sua análise. Mas antes de conhecer a fundo negócio se torna muito difícil extrair dados dos índices financeiros e transformá-los em informações relevantes para uma tomada de decisão.

Quando a análise se refere ao setor de varejo e shopings , um indicador muito utilizado é o ABL (Área Bruta Locável). Para que o profissional de finanças possa compreender esse indicador é fundamental que ele entenda que o administrador do shopping depende da locação das lojas  para como pilar de receita.

E não se deve esquecer que todas essas análises devem ser feitas com base no conhecimento de contabilidade. Afinal, é preciso adaptá-la ao negócio para obter análises consistentes sobre o desempenho financeiro.

Indicadores macroeconômicos

Com a retração da atividade econômica pela qual o país vem passando, que implica na queda do PIB, alta do desemprego, da inflação e das taxas de juros, é fundamental correlacionar os indicadores macroeconômicos com os índices financeiros setoriais.

Como?

Por exemplo, considerando o setor de varejo e shoppings, durante a análise financeira, é importante que o profissional leve em consideração que a crise faz com que os consumidores comprem menos, consequentemente, as lojas diminuem sua margem de lucro e, muitas acabam fechando. Loja fechada é prejuízo para o administrador do shopping. Com isso, o índice ABL será afetado.

Portanto, é dever do profissional de finanças entender como a macroeconomia impacta o negócio. Sem essa análise, os números são pouco representativos. Por isso, mais difícil do que entender de finanças é estar disposto a conhecer sobre economia, contabilidade e profundamente sobre o segmento de atuação da sua empresa.

Só assim será possível alcançar uma oportunidade para se tornar um gestor financeiro com uma carreira profissional promissora.